Carqueja: Uso e Propriedades Mágicas

Estimular cura, limpeza e proteção

Carqueja (Baccharis trimera)

Sinônimos:

  • bacanta, bacarida, cacaia-amarga, cacaliaamarga, cacalia-amargosa, caclia-doce, cuchi-cuchi, carque, carqueja-amarga, carqueja-amargosa, carqueja-domato, carquejinha, condamina, iguape, quina-de-condomiana, quinsu-cucho, tiririca-debabado, tiririca-debalaio, tiririca-de-bebado, tres-espigas, vassoura.

Elemento: Fogo

Sexo: Masculina

Planeta: Marte

Poderes: proteção, cura, limpeza de sentimentos e emoções, dinheiro

Tipo de Erva: Erva Fria e ou específica calmante.

  • Ervas frias são aquelas não são agressivas como as ervas quentes e seus benefícios vão além de equilibrantes, tal como as ervas mornas. Elas atuam especificamente em um determinado campo magnético. São utilizadas para mediunidade, para atrair bons fluidos, para prosperidade, para fitoterapia, etc.

História

A Carqueja é uma planta originária da América do Sul, nativa da região amazônica, possui características ornamentais e medicinais, mas também pode ser utilizada na aromatização de licores e vinhos, e na produção de vassouras rústicas.

 

Função Energética e Mágica:

  • Atua contra sentimento de possessividade, egocentrismo e narcisismo
  • Auxilia atividades adivinhatórias
  • Combate medos e inseguranças
  • Eleva a imunidade energética
  • Estimula a proteção e limpeza energética
  • Estimula fertilidade
  • Estimula inciativa
  • Estimula limpeza de sentimentos de solidão
  • Estimula limpeza do corpo das velhas emoções
  • Estimula tolerância e esperança
  • Melhora o fluxo de energia emocional e o mantem sob controle.
  • Obter dinheiro, riquezas, Tesouros, Riqueza

 

Uso e Indicações:

  • Coadjuvante de regimes de emagrecimento, e cura de chagas ulceradas de pele.
  • Contrai a região emocional e combate os medos e inseguranças gerados por situações que se apresentam aparentemente sem controle.
  • Diminui as expectativas daqueles que esperam muito dos outros
  • E indicada para banhos energéticos e de descarrego, defumações e maçarocada de ervas.
  • Indicada a erva carqueja através de chás, emplastros, garrafadas e infusões para diversas finalidades para ações como para ajudar no tratamento de má digestão, prisão de ventre, diarreia, gastroenterite, anemia, gripe, febre, doenças hepáticas, diabetes, vermes intestinais, afta, amigdalite, anorexia, azia, bronquite, colesterol, doenças da bexiga, má circulação do sangue e feridas.
  • No TPM são utilizadas as folhas.
  • Ótimas para água do chimarrão.
  • Tônico amargo, combate diabetes, bom para distúrbios do fígado, estômago, vesícula, intestino solto, pois age como estimulante de secreção gástrica.
  • Uso culinário: Substitui o lúpulo na cervejaria caseira, serve também para aromatizar licores e refrigerantes.

 

Saiba como preparar um banho de ervas para purificar sentimentos, pensamentos e emoções do passado:

Confira o artigo: http://isabelmitchell.com.br/banho-de-ervas-para-purificar-sentimentos-antigos-com-carqueja/

 

Observações

  • Eu recomendo fazer esse banho antes de dormir.
  • Em caso de dúvidas, procure seu médico.

 

Chá detox

Chá de carqueja elimina toxinas, melhora digestão e auxilia na perda de peso (consulte seu médico).

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de hastes de carqueja
  • 1 litro de água quente

Modo de preparo

  • Aqueça em uma panela/vasilha, 1 litro de água
  • Desligue antes de ferver
  • Coloque as ervas na panela e tampe (com o fogo desligado)
  • Deixe por 15 min em infusão (tampado)
  • Coe
  • Tomar até 3 xícaras ao dia.

 

Contraindicações:

  • A bibliografia consultada contraindica o uso durante a gravidez, lactação e em pacientes com pressão alta ou diabetes descontrolada.
  • Os efeitos colaterais incluem diminuição da imunidade e hipotensão, quando ingerida em excesso.

 

Propriedades Medicinais:

  • Indicada através de chás, emplastros, garrafadas e infusões para diversas finalidades para ações como para ajudar no tratamento de má digestão, prisão de ventre, diarreia, gastroenterite, anemia, gripe, febre, doenças hepáticas, diabetes, vermes intestinais, afta, amigdalite, anorexia, azia, bronquite, colesterol, doenças da bexiga, má circulação do sangue e feridas.

 

Partes Utilizadas

  • Hastes e folhas

 

 

Abraços e até a próxima,

Isabel Stumpf Mitchell - Tarô Terapêutico, Numerologia, Ervas, Benzimento e Terapias Integrativas.

(51) 99925.0421 - WhatsApp / Telegram

isabel@isabelmitchell.com.br

 


Referências:

  • CUNNINGHAM, Enciclopédia de Mágica Ervas. Llewellyn Publications, 2º Edição, 2008.
  • GREGUER, Nina. Botânica Medicinal e Oculta – O Segredo Oculto das Plantas. Nina Greguer, 2016.
  • PAI MANECO, Grupo de Estudos. As Ervas e as Plantas no Terreiro do Pai Maneco.
  • RAMOS, Matheus. Herbanário encantado: ervas e sua magia. PDF
  • Vassouras Urbanas. Guia de Ervas. Disponível em: <https://www.vassourasurbanas.com.br/>. Acesso em: 27 out 2019.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

two + one =