Marcela: Uso e Propriedades Mágicas

Estimular o amor, sono, dinheiro, purificação

Macela ou Camomila Romana (Anthemis nobilis.)

Sexo: Masculino

Planeta: Sol

Elemento: Água

Poderes: Dinheiro, sono, amor, purificação

Tipo de Erva: Erva Morna ou Equilibradoras

  • Função: equilibrar, manter, adequar, fluir, restaurar, energizar.
  • Ervas mornas são as ervas que atuam de forma equilibradoras de energia, são ervas que não agridem, pelo contrário, atenuam efeitos negativos de ervas quentes. São ervas que ajudam a reconstruir a nossa energia, o nosso campo astral, nosso campo magnético, nossa áurea, etc.
  • Esse tipo de ervas tem a propriedade de equilibrar e restaurar nosso corpo energético, após a utilização de ervas quentes. Esse tipo de ervas pode ser utilizado diariamente, sem restrições.

 

História ou características:

  • Botânica oculta: Ligeiramente quente e úmida.
  • Também chamada de camomila-romana a esta planta, porque se cultivava cm Roma, nos séculos XVI e XVII. Não consta, no entanto, que fosse conhecida pelos antigos Gregos ou Romanos.
  • Apesar de as suas propriedades serem muito semelhantes às da verdadeira camomila, esta planta conservou a sua personalidade própria e o seu lugar na fitoterapia.

 

Função Energética e Mágica:

  • Acalma o histerismo e a excitação das pessoas facilmente excitáveis.
  • Ajuda a eliminar a raiva
  • Alivia dores de cabeça
  • Ativa a Coragem e a Segurança
  • Cria Esperança
  • Estimula a capacidade de Perdoar e se Limpar do Ódio
  • Estimula a digestão
  • Estimula a fertilidade nas mulheres
  • Estimula a harmonia
  • Estimula a proteção
  • Estimula o sono e a meditação
  • Indicada para banhos de descarrego e defumações
  • Indicada para banhos energéticos
  • Promove concentração, estudos e memória
  • Protege da energia negativa contida no período de Quaresma;
  • Purifica e protege
  • Remove maldições e feitiços lançados contra você
  • Tranquiliza e relaxa

 

Uso e Indicações:

  • Usada principalmente em banhos, com poder tranquilizador e relaxante.
  • Deve-se, antes de tomar o banho, respirar fundo o vapor de sua infusão. A esse processo atribui-se o poder de aliviar dores de cabeça de fundo espiritual, causadas por obsessões e energias negativas.
  • Quaresma: a macela nos protege das energias negativas presentes durante a quaresma, por isso é indicado seu uso como chás, banhos de ervas, decoração e pendurada na porta.
  • Na TPM são utilizadas as folhas e as flores.
  • No tratamento de: olhos cansados, inchaço e olheira, irritação e vermelhidão - fazer compressas com marcela.
  • A parte que se utiliza são suas flores ou cabecinhas.
  • Suas principais qualidades são tônicas, antiespasmódicas e anti-histéricas.
  • Empregam-se nos cortes de digestão e nas cólicas espasmódicas e ventosas.
  • É usado para atrair dinheiro: lavar à mão da infusão é por vezes utilizado por jogadores para garantir ganhos.
  • Incensos e infusão também é adicionado à banho para atrair o amor.
  • Quando borrifado ao redor da propriedade, ele remove maldições e feitiços lançados contra você.
  • Aplica-se em uso interno:
    • Afecções digestivas (principal aplicação): indigestões, dispepsia (digestão difícil), flatulências, náuseas;
    • Cólicas intestinais, biliares ou renais: como antiespasmódica;
    • Dores menstruais
  • Externamente usa-se para:
    • Reumatismo: em Fricções;
    • Cicatrização das feridas, mediante a aplicação de compressas sobre a pele;

 

Princípio Ativo:

  • Ácido salicílico, benzaldeído, cicerose, creosol, ésteres, eugenol, farsenol, fitol, geraniol, índole, jasmineno, jasmone, nerol, quinolina, resina, l-a-terpineol e vanilina.

 

Propriedades Medicinais:

  • Azia, cálculo biliar, clarear cabelos, cefalalgias, cólicas intestinais, contrações musculares bruscas, contusões, desordens menstruais, diabetes, diarreias, disenteria, disfunções gástricas e digestivas, dor de cabeça, dor de estômago, epilepsias, espasmos, estimulante da circulação capilar, febre; gastrite, impotência, inapetência, inflamação, lavar feridas e úlceras, má digestão; pele, nervosismo, resfriado, retenção de líquidos, reumatismo, suores fétidos nos pés,

 

Contraindicações:

  • A bibliografia consultada não relata efeitos colaterais decorrentes do uso, porém, nenhuma planta deve ser consumida em excesso
  • E nenhum tratamento deve ser feito sem orientação médica.

 

Partes Utilizadas

  • Flores

 

Banho de Ervas com Marcela

 

Chá de Marcela

 

Abraços e até a próxima,

Isabel Stumpf Mitchell - Tarô Terapêutico, Numerologia, Ervas, Benzimento e Terapias Integrativas.

(51) 99925.0421 - WhatsApp / Telegram

isabel@isabelmitchell.com.br

 


Referências:

  • ALMEIDA, Mara Zélia de. Plantas medicinais. 3º edição - ed. Salvador: EDUFBA, 2011.
  • CUNNINGHAM, Enciclopédia de Mágica Ervas. Llewellyn Publications, 2º Edição, 2008.
  • Ervas do Sítio.Ervas do Sítio. Disponível em <com.br>. Acesso em: 29 junho 2019.
  • GREGUER, Nina. Botânica Medicinal e Oculta – O Segredo Oculto das Plantas. Nina Greguer, 2016.
  • ORMONDE, Alexandre. Apostila Colégio Tenda de Umbanda: Apostila Ervas Sagradas - Caboclo Pena Branca da Mata Virgem. Tenda de Umbanda.
  • PAI MANECO, Grupo de Estudos. As Ervas e as Plantas no Terreiro do Pai Maneco. PDF.
  • As Plantas Magicas Botânica Oculta. Hemus — Livraria Editora Ltda, 1976.
  • ROGER, Dr. Jorge D. Pamplona. Plantas que Curam: Enciclopédia das Plantas Medicinais. PDF

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

6 + 9 =