Guaco: Uso e Propriedades Mágicas

Eliminar Energias Negativas

Nome Científico: Mikania glomerata Spreng

Sinônimos: Cipó-caatinga, cipó-catinga, cipó-sucuriju, coração-de-jesus, erva-cobre, erva-de-cobra, guaco-de-casa, guaco-de-cheiro, guaco-liso, guaco-trepador, guaco-verdadeiro, guape, mikania, uaco

Planeta: Mercúrio

Elemento: Ar

Sexo: Masculino

Tipo de Erva: Erva Fria

Considerada uma erva fria e ou específica calmante atuam no corpo físico por caraterísticas fito químicas, mas também nos organismos espirituais e em seus sistemas nervosos no sentido de tranquilizar o espírito.

Estimula o amadurecimento do indivíduo e auxilia a remover as consequências das percepções não completamente assimiladas.

História

É uma planta que tem propriedades medicinais e que cresce de forma natural em regiões da América do Sul, especialmente na Mata Atlântica brasileira.

Tribos indígenas já utilizavam o guaco justamente como antídoto contra o veneno de cobras.

 

Funções Energética e Mágica:

  • Elimina Traumas por Fome e Necessidades Vividas na Infância
  • Elimina a Inveja Sentida Internamente e o Auto Martírio
  • Ajuda a Colocar em Prática a Sabedoria Interior
  • Reequilibrar um chacra desequilibrado.

 

Uso e Indicações:

  • Combate à febre
  • Combate reumatismos
  • Expectorante e broncodilador, combate tosses, asma, bronquites e rouquidão, além de problemas do aparelho respiratório.
  • No uso para crianças, administrar infusos fracos na proporção da metade da dose dos adultos.
  • Os sertanejos empregam a planta contra picadas de cobra e de insetos venenosos.
  • Popularmente também usado para combater sífilis, gota e infecções intestinais

 

Banho de Guaco:

Chá de Guaco, Xarope por decocção, Macerado:

  • São indicados  para combater os sintomas de gripe, resfriados.

Tintura de Guaco

  • A solução pode ser utilizada em fricções ou compressas locais.

Uso caseiro:

  • Quando em flor, é muito procurado por abelhas melíferas.
  • No caso de aversão ao leite, pode se substituí-lo por infusão de guaco adoçada com mel.

Contraindicações:

  • Os efeitos colaterais do guaco incluem hemorragias, aumento dos batimentos cardíacos, vômitos e diarreia.
  • O guaco contém cumarina que pode apresentar um agravamento nos quadros de falta de ar e tosse em pessoas com alergia a cumarina.
  • O guaco está contraindicado para pessoas com alergia a esta planta, com doenças no fígado, que utilizam anticoagulantes, para crianças menores de 1 ano de idade e grávidas.

 

Propriedades Medicinais:

  • Doenças respiratórias: asma, bronquite, tosse, catarro, gripes, sinusites e resfriados em geral, resfriado, gripe e dor de garganta.
  • Contribua com o tratamento da artrite e Reumatismo
  • Combato ao inchaço
    • O guaco é uma erva que também é dotada de propriedades sudoríficas.
    • Isso significa que o seu chá pode estimular, provocar ou induzir a transpiração.
    • Isso colabora com a eliminação do excesso de líquido do corpo, que também fica retido, trazendo o indesejável inchaço.
  • Possui propriedades antiespasmódicas e analgésicas
    • Ao lado de sua ação anti-inflamatória, essas propriedades do guaco fazem com que o chá obtido a partir planta medicinal
  • Colabora com a melhoria de inflamações intestinais
  • Ajuda a tratar úlceras
  • Tratar neuralgias – dor ou queimação bastante forte em um ou mais nervos do corpo
  • Lidar com eczemas – infecção aguda ou crônica da pele, que apresenta sintomas como coceira, inchaço e vermelhidão
  • Amenizar coceiras
  • Tratar feridas
    • Nos casos de problemas na pele, as condições provavelmente serão tratadas com a aplicação das folhas no local afetado.
    • Consulte o seu dermatologista para verificar qual a melhor forma de utilizá-las em relação ao seu problema em particular.
  • Diarreias e cólicas
    • O chá de guaco ainda é apontado como benéfico em relação a problemas como diarreias e cólicas

 

Partes Utilizadas

  • Folhas
  • Flores

 

Abraços e até a próxima,

Isabel Mitchell - Tarô Terapêutico, Numerologia, Ervas, Benzimento e Terapias Integrativas.

(51) 99925.0421 | isabel@isabelmitchell.com.br

 


Referências:

  • GREGUER, Nina. Botânica Medicinal e Oculta – O Segredo Oculto das Plantas. Nina Greguer, 2016.
  • ERVANARIUM. Guaco. Disponível em: <https://ervanarium.com.br/planta/guaco/>. Acesso em 21 set 2019.
  • PAI MANECO, Grupo de Estudos. As Ervas e as Plantas no Terreiro do Pai Maneco.

 

2 thoughts on “Guaco: Uso e Propriedades Mágicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

15 − 13 =